Solidariedade

Presidente da Jovem Advocacia recebe nota de agradecimento de Manaus




O presidente da Comissão da Jovem Advocacia da OAB-ES, Baltazar Bittencourt, recebeu uma nota de agradecimento junto a toda a equipe da OAB/ES e ao Presidente José Carlos Rizk Filho.

O agradecimento se deu através da Igreja Batista Nacional Vida, situada em Manaus, após ele ter auxiliado o retorno de um paciente manauara que recebeu tratamento contra a COVID-19, em Vitória.

O paciente Luiz Gonzaga Cardoso Trajano foi transferido de Manaus para Vitória após o colapso no sistema de saúde do Estado do Amazonas. Após o tratamento, o paciente recém-recuperado não tinha nenhuma informação de como retornaria a Manaus, cidade onde reside.

Até que a advogada que estava prestando auxílio jurídico aos membros da Igreja, da qual Luiz Gonzaga faz parte, procurou o auxílio da OAB-ES através do presidente José Carlos Rizk Filho e do presidente da Jovem Advocacia, Baltazar Bittencourt.

Baltazar Bittencourt relata que a OAB-ES prestou todo o auxílio necessário para que Luiz Gonzaga e sua família obtivessem todas as informações de seu retorno, inclusive com a disponibilização de eventual custeio de um hotel até que o avião da Força Aérea Brasileira (FAB) o levasse de volta para Manaus.

Porém, após tratativas a Vigilância Sanitária do Governo do Amazonas disponibilizou um vôo e, assim, Luiz conseguiu retornar para Manaus em segurança.

Contente, Baltazar Bittencourt comenta sobre o sucesso do trabalho prestado. “Eu fiquei muito feliz de ver que ele retornou para a sua casa e que a gente conseguiu pelo menos acalmar a situação com a família. Mostramos sempre que estávamos à disposição e que tinham pessoas aqui cuidando dos seus direitos e que ele foi muito bem atendido pelo hospital e pela Secretaria de Saúde. Mas o trabalho que fizemos, basicamente, foi de acalmar e de prestar as informações que a família não estava tendo. E obviamente nos disponibilizamos a custear o hotel, que acabou não sendo necessário porque ele conseguiu voltar para casa. Então, a mensagem que eu queria passar era essa, que a OAB-ES está à disposição para cuidar dos interesses de toda a sociedade e que eu fiquei muito feliz e satisfeito de ver que ele pôde retornar para sua casa”, comentou o presidente da Jovem Advocacia.

Baltazar reforçou, ainda, que é importante que a advocacia seja solidária e se preocupe com os problemas dos outros, pois essa é uma função social e da classe junto à sociedade.
keyboard_arrow_up