Novo espaço

Subseção de Cariacica abre as portas, e prefeito destaca atuação da OAB



A Subseção de Cariacica da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-ES) abriu as portas de sua nova sede, na tarde de ontem, numa solenidade com a presença de advogados da cidade, da diretoria da Ordem e da Prefeitura Municipal. Cerca de 150 pessoas compareceram ao evento.
Ao abrir os discursos, a presidente da Subseção, Ciloni Fernandes, pediu que a equipe da Subseção ficasse de pé e agradeceu a todos pelo empenho para que a sede fosse aberta. Dirigindo-se ao prefeito de Cariacica, Juninho, a presidente agradeceu pela cessão do terreno por parte do município.
"Muito obrigado, prefeito. Nossa casa é a casa da cidadania, a casa da advocacia. Desejo que todos os advogados e advogadas se sintam acolhidos. Essa casa precisa se aproximar da advocacia e da sociedade", destacou.
O prédio conta com quatro escritórios de atendimento a pessoas com deficiência, 12 estações de atendimentos à advocacia, espaço para xerox, um auditório, uma sala de reunião, uma secretaria, uma sala da presidência, oito banheiros, duas cozinhas, elevador para atender três pavimentos, além de 10 vagas de garagem.
Em sua fala, o prefeito de Cariacica destacou o diálogo com representantes da Ordem. "Confesso aqui que fiquei duplamente feliz com após a eleição da Ordem, primeiro pela vitória de vocês aqui em Cariacica, e segundo pelo doutor Rizk, por dar continuidade às coisas boas com o pensamento de avançar naquilo que foi conquistado. Quando eu pude recebê-los, eu pude perceber que a diretoria estava preocupada com os profissionais do município", lembrou.
"Se não fosse o interesse e o comprometimento da categoria, talvez hoje nós não estivéssemos aqui. Porque independente de quem ganha e quem perde - e o momento eleitoral já passou -, a nova diretoria não ficou olhando pelo retrovisor e entendeu que precisava de todos nós unidos", pontuou.
Por sua vez, o presidente Rizk agradeceu ao prefeito por ter cedido o terreno à Ordem. "Eu ouvi do prefeito uma coisa que eu acho essencial: o tratamento equilibrado entre OAB, Judiciário e Ministério Público. Quando o senhor falou aqui do tratamento que a OAB tem que ter - e a nossa Constituição fala isso - eu vi que o senhor entendeu o papel social da Ordem", declarou.

Durante a solenidade, o presidente Rizk recebeu da presidente Ciloni Fernandes uma placa de homenagem
keyboard_arrow_up