Reforma Trabalhista e Novo CPC foram os temas escolhidos por advocacia de Cachoeiro

Encontro Regional da Advocacia reuniu muitos advogados em Cachoeiro. Foto: Edgar Baião/Divulgação.
Encontro Regional da Advocacia reuniu muitos advogados em Cachoeiro. Foto: Edgar Baião/Divulgação.

O Encontro Regional da Advocacia de Cachoeiro de Itapemirim, que aconteceu nesta sexta-feira (08), foi pensado para atender as principais demandas de advogados e advogadas que atuam na região. Entre os temas selecionados, destaque para a recente Reforma Trabalhista e o Novo CPC, que possui apenas um ano de efetivação.

Diretor da ESA/OAB-ES, Rodrigo Mazzei explicou que os principais temas escolhidos pela advocacia de Cachoeiro de Itapemirim ainda são o Novo CPC e a Reforma Trabalhista. “Fizemos o encontro a partir dos pedidos dos advogados da região. Esperamos que o encontro se torne tradicional diante da importância da cidade, que conta com duas faculdades de Direito. A maior demanda da advocacia ainda é a recente Reforma Trabalhista e o Novo CPC, que completou apenas um ano. Vamos trabalhar para diminuir os questionamentos”, declarou.  

Conselheiro Seccional e um dos palestrantes do Encontro Regional, Marcelo Pacheco Machado, falou justamente sobre o primeiro ano do Novo CPC, dificuldades e perspectivas. “É inegável que verificamos avanços. Mas muito também não foi alterado. Não percebemos no novo código a redução da burocracia que foi prometida, por exemplo. Diante das constantes mudanças, falo sempre que o advogado, ao peticionar, deve ter o mesmo rigor que exige dos juízes. Nós trabalhamos um caso por muito tempo antes de entregar a petição, mas o juiz geralmente analisa o caso em poucos minutos”, explicou.

Veja também:
Com Encontro da Advocacia de Cachoeiro de Itapemirim, OAB-ES democratiza o conhecimento

Já o mestre em Direito e Garantias Fundamentais pela Faculdade de Direito de Vitória, Carlos Eduardo Amaral falou sobre “Recurso da Revista na Reforma Trabalhista”.  “É um tema que ainda causa dúvida. Foi o mesmo que abordei no Encontro de Linhares. Fiz a escolha de repetir aqui para contribuir nesse ponto também com a advocacia do Sul”, explicou.

Futuro

O presidente da Subseção reforçou a importância desse planejamento. "Nesse planejamento de interiorização dos grandes eventos, a ESA (com o apoio da diretoria da seccional, da CAAES, das Subseções e de outros parceiros) já promoveu encontros da advocacia no Caparaó, em Linhares e, agora, em Cachoeiro. Tem sido uma ótima experiência. Participei de todos encontros já realizados e posso garantir que se trata de programação de alto nível. O interior está se sentindo lembrado pela ESA. Essa conquista não perderemos jamais. Esses eventos passarão a fazer parte do calendário da instituição. Será um grande evento. A advocacia da área da Subseção Cachoeiro ficará orgulhosa", acredita.

Para 2018, a expectativa da ESA/OAB-ES é intensificar a atuação no interior do Espírito Santo. “Além das antenas da AASP e da OAB TV, pretendemos continuar com os encontros regionais. Já fizemos em Linhares e Cachoeiro, e para 2018 esperamos fechar o calendário com quatro encontros. Quem vai decidir os locais são os presidentes de subseções. Integramos a ESA/OAB-ES com o Colégio de Presidentes para que eles tenham essa escolha. Pretendemos ainda fazer caravanas com cursos para atender a advocacia no Estado inteiro. Elas vão funcionar independente dos encontros”, contou Rodrigo Mazzei.

Galeria de Fotos

keyboard_arrow_up