Harmonia

Presidente do TJ destaca diálogo com a gestão da OAB-ES

Fotos: Leonardo Duarte
Fotos: Leonardo Duarte


O presidente do Tribunal de Justiça do Espírito Santo (TJ-ES), desembargador Ségio Gama, ressaltou o bom diálogo entre o Tribunal e a nova gestão da Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Espírito Santo (OAB-ES), presidida por José Carlos Rizk Filho. A colocação foi feita durante o lançamento do aplicativo Infância Segura, nesta terça-feira (09), criado pela Comissão da Infância e Juventude, presidida pelo advogado Raphael Câmara.

“Com a ascensão de doutor José Carlos Rizk Filho à presidência da OAB-ES, em uma eleição democrática, - sem nenhum demérito ao seu antecessor - estamos vivendo um momento de muito diálogo, de muita harmonia entre a Ordem e o Poder Judiciário, e tenho certeza também que com o Ministério Público e com a Defensoria Pública. E isso é muito bom porque nada se resolve sem o diálogo. Isso tem sido cumprido pelo presidente Rizk, como ele prometeu sem sua cerimônia de posse, que a sua gestão seria pautada pelo diálogo. E assim tem sido”, ressaltou o desembargador Gama em sua fala durante o evento.

O desembargador também parabenizou à Ordem pelo lançamento do aplicativo como canal de acesso para denúncias sobre violência contra crianças e adolescentes. “Como ressaltou doutor Raphael Câmara, se uma criança for salva, já terá valido a pena ter criado esse aplicativo. Parabenizo a OAB-ES pela iniciativa”, reforçou o presidente do TJ.



Lançamento

A Comissão da Infância e Juventude da OAB-ES lançou nesta terça-feira (09), um aplicativo intitulado Infância Segura, inédito no Brasil. Em plataforma digital única, serão concentrados todos os canais de contato para facilitar denúncias contra o abuso sexual infantil.

A ligação para os órgãos competentes poderá ser feita pelo próprio aplicativo, que também vai apresentar uma cartilha educativa com todas as informações sobre o que configura esse tipo de abuso.



A iniciativa foi do presidente da Comissão, Raphael Câmara. “Muitas vezes, a omissão contribui para que os abusos aconteçam no ambiente familiar. Por isso a nossa iniciativa na OAB-ES para facilitar o acesso aos canais de denúncia e ajudar na conscientização”, ressalta.

“O foco da Ordem é sempre com o intuito de acrescentar soluções. Efetivar o diálogo para alcançar uma solução. E de maneira sempre respeitosa e elegante. Essa tem sido a nossa ideia e tem dado certo. Esse aplicativo é só o primeiro passo e um primeiro passo extremamente largo. E para este assunto, quanto mais rápida a solução, melhor. Como já foi dito, se a Ordem, por meio de um sistema online conseguir evitar que um crime não seja cometido, já valeu a pena. Por isso é importante dizer que a Ordem está em um novo tempo”, reforçou o presidente da OAB-ES, José Carlos Rizk Filho.

Também estiveram presentes no evento o supervisor das Varas e da Infância e Juventude do Estado, desembargador Jorge Valle; o juiz de Direito Alexandre Farina; a juíza da Infância e Juventude de Vila Velha, Patrícia Neves; a juíza da Infância e Juventude de Domingos Martins, Mônica Martins; a juíza de Direito Gisele Oliveira de Souza; a juíza de Direito Graciella de Rezende; o deputado estadual Lorenzo Pazzolini; o vereador de Vitória Davi Esmael; entre outras autoridades.

O aplicativo está disponível na plataforma Google Play e em breve também na Apple Store.
keyboard_arrow_up