"ECO 101 está longe de cumprir seu papel" afirma secretário-geral da OAB-ES

O secretário-geral da OAB-ES, Ricardo Brum, que integra o Comitê pela Duplicação da BR 101, afirmou, durante a Audiência Pública realiza nesta quarta (07) na Câmara Municipal de Cariacica, que em todas as conversas com a sociedade civil ficou evidente “que a ECO 101 está longe de cumprir o papel que se esperava da concessionária. ” 

Ricardo Brum disse ainda que “a rodovia que todos esperavam ter, está muito longe da realidade nesse momento da concessão, sem que essa falta tenha ocasionado qualquer impacto na receita da concessionária”, frisou. 

Na ocasião, o vice-prefeito de Cariacica, Nilton Basílio Teixeira, lembrou de questões da cidade que também estão ligadas à ECO 101 como a iluminação da Rodovia do Contorno, que deveria ter sua manutenção realizada pela concessionária e a instalação de passarelas que não foi concluída. 

Sobre a duplicação da BR 101, Nilton expos a preocupação do município com a população. “Os moradores de Cariacica, assim como toda a população do Estado, trafegam pela BR 101, seja para trabalho ou passeio, principalmente no verão, portanto precisamos garantir a segurança de todos. ” 

Robson da Paixão, Presidente do Conselho Comunitário de Cariacica, considerou o evento muito importante. “É preciso nos organizarmos e planejarmos as ações. É de extrema importância a presença da OAB com todos os movimentos, dando o suporte jurídico e organizacional. Foi muito bom receber a audiência em Cariacica para somarmos forças. ” 

O representante da Federação dos Movimentos Populares de Viana, Rogério dos Santos Lopes, afirmou “que Viana sofre muito com a falta de respeito no cronograma da ECO 101, porque até hoje as obras no trecho do trevo da Real Café até o trecho de Guarapari não foram feitas e sim apenas melhorias muitos básicas em algumas pistas laterais. Enxergamos isso como um verdadeiro descaso da concessionária. A pior questão é a ECO não dar satisfação à sociedade dos recursos arrecadados”, ponderou. 

“Essa é uma luta de todos os capixabas, portanto participar dessa organização junto com a OAB-ES que luta a favor da sociedade nos fortalece a cada dia para que possamos continuar nessa luta”, ressaltou. 

As Audiências serão realizadas de Norte a Sul do Estado, além da Grande Vitória, para que a população possa apresentar seu ponto de vista.

keyboard_arrow_up