Mercado de Trabalho

Jovem advocacia inicia curso de capacitação do Meu Primeiro Cliente on-line



Uma turma formada por 256 jovens advogados e advogadas participantes da segunda edição do Programa Meu Primeiro Cliente da OAB-ES iniciou, esta semana, o curso de capacitação de prática advocatícia de forma on-line promovido pela ESA-ES.

 

Inédito no Espírito Santo, o programa visa incentivar a inserção dos jovens advogados no mercado de trabalho.

 

Devido à pandemia, essa segunda edição está sendo feito na modalidade on-line. E o diferencial é que desta vez o curso é realizado antes do processo seletivo e foi aberto para a jovem advocacia de todo o Estado.

 

Na manhã desta quinta-feira (18/06), eles tiveram aula sobre “Iniciação à Advocacia Trabalhista”, ministrada pelo advogado e diretor de Cursos e Eventos da ESA-ES, Alexandre Zamprogno. A segunda aula do dia foi com o juíz do Tribunal Regional do Trabalho (TRT-ES), Xerxes Gusmão, que abordou sobre “Alterações do Direito no Trabalho pela Reforma Trabalhista”.

 

O curso acontece até o dia 7 de agosto. A turma terá aulas com mestres e doutores renomados de diversas área do Direito.

O diretor de Cursos e Eventos da ESA-ES, Alexandre Zamprogno falou sobre o curso. “É um prazer e uma grande alegria para Escola Superior de Advocacia estar recebendo a segunda edição do Meu Primeiro Cliente. Programa inovador criado pela OAB-ES e idealizado pelo presidente José Carlos Rizk Filho. Temos essa missão com bastante responsabilidade e não obstante de todo o sucesso da Primeira Edição e mesmo com as dificuldades que foram impostas devido à pandemia que estamos vivendo. Ainda assim esse Programa foi ampliado e estamos capacitando esses 256 jovens advogados no curso com carga horária de 200 horas. Acredito que seja o maior programa de formação de jovens advogados do Brasil. Parabéns para a OAB-ES”, afirmou Zamprogno.

 

Os participantes que concluírem todo o curso passarão por uma prova de seleção. Os 60 primeiros colocados participarão da imersão nos escritórios de advocacia que promoverão a experiência remunerada pelo período mínimo de 15 dias.

keyboard_arrow_up