Ação

Comissão de Prerrogativas auxilia advogado a ter acesso ao Judiciário e à decisão liminar que garantiu UTI para paciente



Uma ação da Comissão de Defesa das Prerrogativas e Valorização da Advocacia, realizada neste final de semana, auxiliou um advogado a ter acesso ao Judiciário e à decisão liminar que garantiu direito a uma vaga de UTI a uma criança, anteriormente negada por um plano de saúde.

De acordo com o presidente da comissão, Leonardo Carvalho da Silva, o pedido de auxílio de um advogado chegou por volta das 22 horas de sábado (22), descrevendo que não havia conseguido contato com o juiz cível do plantão judiciário. Por sua vez, o juiz criminal declarou que não seria capaz de julgar o pedido por não ser de sua área.

“A partir do contato do advogado conosco, fizemos contato com os representantes do plantão e o próprio desembargador analisou e deferiu o pedido, garantindo o direito da criança ao uso da UTI. É importante ressaltar que a comissão está sempre de prontidão para atender aos chamados da advocacia, 24 horas por dia”, ressaltou o presidente.
keyboard_arrow_up